Transporte público em Londres

Em relação ao transporte público de Londres tenha duas certezas: você chega em qualquer canto da cidade e paga um preço salgado para isso.

O metrô de Londres é o mais antigo e extenso do mundo. Foi inaugurado em 1863 e atualmente possui 275 estações. Mas o transporte público de Londres não se resume ao metrô. Ele conta com o Underground (metrô subterrâneo), Overground (metrô na superfície), DLR (outro tipo de metrô subterrâneo), Tramlink (bonde), London River Service (barco), Emirates Air Line (teleférico que passa sobre o Tâmisa), National Rail (conecta Londres com outras cidades) e ônibus.

Qualquer que seja o transporte que você vai utilizar para chegar ao seu destino, você vai precisar de um Oyster, Travel Card ou Visitor Oyster Card. O primeiro cartão inteligente de transporte do mundo foi implementado em 2003 e serviu de exemplo para diversos países – muito parecido com o Bilhete Único em São Paulo. A dinâmica é simples: você utiliza seu Oyster sempre que utilizar o transporte público aproximando-o do sensor que fica nas catracas do metrô e portas dos ônibus.

post10aOnde comprar?

Em qualquer estação de metrô.

Quanto custa?

£5.

Dica: se você não precisar mais do seu Oyster você pode devolvê-lo em qualquer estação de metrô e ser reembolsado pelo valor da compra. Ou seja, você recebe suas £5 de volta. 🙂

Como recarregar?

Você pode utilizar o guichê eletrônico do metrô (existem opções que aceitam notas, moedas e cartões disponíveis em todas as estações), ir ao guichê do metrô aonde ficam os atendentes, em mercados ou até mesmo pela internet.

Esse vídeo (em inglês) é feito pelo Transport of London e explica como funciona o recarregamento:

Quanto custa o transporte em Londres?

Depende – e muito. Aqui eu já falei um pouco sobre como Londres é dividida em zonas e como isso afeta o valor do transporte. Para ter uma ideia de quanto você irá gastar, você pode acessar a tabela de preços do sistema de transporte de Londres e checar de acordo com o seu percurso. Clique aqui e acesse.

Quais as opções para turistas?

Se você vai passar somente alguns dias em Londres você pode adquirir o Travelcard. Você compra o Travelcard de acordo com os dias da sua viagem e paga pelo dia – podendo se locomover quantas vezes quiser durante esse período. Os preços começam em £7,30 para o Travelcard de um dia na zona 1, e pode chegar a £57,20 para se locomover durante 7 dias entre as zonas 1 e 6. Clique aqui e saiba mais.

post13Outra opção é o Visitor Oyster Card por £3. O valor da compra, £3, não é reembolsável mas você pode solicitar o estorno do crédito que você nã usar. A grande vantagem é você poder pedir pela internet antes mesmo de chegar em Londres, e receber na sua hospedagem. Você também não é cobrado por mais de uma viagem no mesmo dia. Por exemplo, se você se deslocar diversas vezes entre as zonas 1 e 2 você só paga por uma viagem (atualmente £6,50). Clique aqui e saiba mais.

Dica: Os ônibus não aceitam dinheiro. Você pode usar o seu Oyster ou Travelcard, ou um cartão de débito/crédito com sistema de pagamento por contato. (Já paguei mico oferecendo dinheiro ao motorista de ônibus porque não sabia disso :P)

Dica: No metrô você tem que apresentar seu Oyster duas vezes: na estação de entrada e na estação de desembarque. Assim ele desconta o saldo de acordo com o seu percurso.

Dica: Confira qual o mercado mais próximo da sua casa/hospedagem que recarrega o Oyster. Clique aqui.

Bia

 

Se inscreva no canal do Youtube

Siga @ProjetoUK no Instagram

Curta Projeto UK no Facebook

 

Fonte:

Superinteressante

Transport for London


Comente:

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.